Como parcelar seu financiamento

Como parcelar seu financiamentoUma das formas mais utilizadas para adquirir um automóvel é por meio de um financiamento. Devido à crise econômica, nem todo mundo está conseguindo manter as parcelas em dia, uma das saídas é parcelar o financiamento. Vamos entender melhor como funciona? Veja a seguir!

O sonho do carro próprio se tornou mais próximo para muitas pessoas depois que os financiamentos tiveram seu tempo prolongado e o valor das parcelas reduzidas. Com isso, quase todo mundo conseguiu sair das concessionárias com seu veículo próprio, alguma cientes dos custos de manutenção e taxas, outras só entenderão quando as contas começaram a apertar.

Para completar o cenário, nos últimos anos a crise econômica que está afetando o Brasil – e o mundo – fez com que diminuísse o poder aquisitivo das pessoas. Desta forma, quem adquiriu um carro não está conseguindo pagar o financiamento e a saída é recorrer ao parcelamento, entenda mais a seguir.

Como parcelar seu financiamento

Se você está entre as pessoas que adquiriram um carro e não está conseguindo cumprir com os valores todos os meses, há uma luz para que não perca seu carro e volte a andar no transporte público: o parcelamento do financiamento.

Caso você esteja interessado nessa modalidade de negociação da dívida, fique atento, pois em alguns casos, talvez não seja a melhor saída essa renegociação. Esta modalidade funciona – principalmente – para quem, por exemplo, financiou o carro em 60 meses e já pagou, até agora, 30 parcelas, ou seja, a metade do carro. Nessa condição, pode ser vantajoso pedir que se aumente o financiamento em mais seis meses.

Solicite seu empréstimo agora, preencha nosso formulário de cotação, clique aqui.

Cuidado!

É de extrema importância você entender que não vale a pena aumentar muito o número das parcelas de seu financiamento. Lembre-se que quanto maior for o financiamento, maior serão as taxas de juros aplicadas.

Converse com o banco

Outra oportunidade que você pode ter é tentar diminuir as taxas de juros. Nem sempre é uma tarefa fácil, mas se você foi um bom pagador até agora, o banco pode ajudar a pagar o seu financiamento. Mesmo depois de renegociar, os bancos ainda estão dispostos a conversar e chegar a um comum acordo. Fique atento, pois, qualquer 1% retirado das taxas pode fazer um diferença enorme na conta total.

Porém, para ter esse benefício, é importante não ter atrasado muitas vezes o pagamento das parcelas de seu veículo, afinal, o banco precisa se sentir seguro e acreditar que você vai cumprir com o acordado.

Por fim, não deixe de verificar seu contrato, se tiver dificuldades, procure um advogado e veja quais direitos possui!

Solicite seu empréstimo agora, preencha nosso formulário de cotação, clique aqui.

Sobre o autor: Jeniffer Elaina da Silva

Jeniffer Elaina trabalha como Editora freelancer, tendo mais de três anos de experiência em escrita e revisão de artigos para web. É formada em Marketing com pós-graduação em Administração de Empresas na FGV Bauru. Sua maior paixão é poder compartilhar conhecimentos e aprender um pouco mais a cada dia.


Discussão

Sem comentários. Seja o primeiro a responder!

Postar um comentário

Os comentários estão encerrados.